Confissões de um coração rebelde…

Posts marcados ‘Atitude’

Colocando o carro na frente dos bois…

“Não coloque o carro na frente dos bois…”

Quem nunca ouviu uma pessoa mais velha dizer esse ditado? Com certeza todos nós já fomos aconselhados uma vez ou outra a não sermos apressados, não nos adiantarmos e tomarmos decisões precipitadas sobre algo…

Enfim, o ditado em sí refere-se ao carro de boi, que obviamente só tem funcionalidade se for puxado pelos bois, e portanto se colocado na frente dos mesmos simplesmente não sairá do lugar…

Eu decidi usar esse ditado para falar sobre algo que andei observando: A precocidade dos mais jovens e sua pressa desesperada em crescer…

Não faz muito tempo não, quando eu era criança, permanecíamos crianças até nossos 14, 15 anos pra depois começarmos a aproveitar a fase da adolescência e juventude, para depois dos 21 começarmos a tão almejada vida adulta… E mesmo assim, aos 21 a maioria estava ainda aproveitando os primeiros namorados(as), os “bailinhos” na casa dos vizinhos, a faculdade e o primeiro emprego… Casamento, filhos… Tudo era ainda para o futuro…

Hoje parece que estamos “atropelando” as fases gostosas da vida… Não vemos crianças brincando, pois com tanta violência e o medo que ela gera, a amizade se resume a scraps no orkut e conversas no MSN, e desde cedo as crianças aprendem a ser impessoais e não sabem se relacionar muito bem no mundo real…

O namoro, que antes demorava mais um pouco pra começar, hoje se inicia nos 10, 11 anos, a vida sexual muitas vezes até antes disso e a criança age como adolescente e deixa de viver as duas fases…

Quando adolescentes, muitos já tem família constituída, e ao chegarem a idade adulta já tem seus filhos e muitas vezes até ja experimentaram um divórcio…

Me pergunto, por que tanta pressa em crescer? Por que colocar o carro na frente dos bois?

A geração atual está deixando de viver muitas das fases mais legais de sua vida e com elas as experiências…

Já não tem mais a paquera, a conquista, o romance… Não há tempo para isso, hoje o negócio é “ficar”, “catar” e etc… E tudo rápido, pra ontem, superficial e descartável…

É preciso reaprender a ser criança, adolescente e adulto. 

A crescer de forma saudável (emocionalmente), viver cada fase e aprender com ela o que tem que ser aprendido… Não ter pressa de envelhecer, mas aproveitar cada ano vivido, cada lição e cada coisa aprendida…

Crianças devem brincar, se relacionar, interagir…

Adolescentes devem aprender a crescer e ter ajuda e orientação para prepará-lo para a próxima fase…

Por isso, chega de pressa, cada coisa na sua hora…

Não é o tempo que faz você, mas você faz seu tempo…

Por RebelHeartBR

Você é o que você veste?

Começo ressaltando muito bem que esse NÃO é um post para criticar a moda, a opção de vestuário de cada um e nem quem ama esse universo, uma vez que eu também sou mulher e adoro me arrumar quando vou sair e amo uma roupa bonita… Mas esse post é na verdade sobre a maneira como muitas vezes definimos outra pessoa pelo seu jeito, aparência ou especialmente pelo que ela veste…

Recentemente ouvi alguns comentários sobre isso e tais comentários me fizeram refletir… O comentário em questão era sobre a roupa que um pai de uma formanda usou no dia da formatura da filha…

Uma amiga vai ser formar e irei participar de sua formatura… A comissão fez a exigência do traje, social: homens de terno e gravata e mulheres de longo ou longuete… Sem excessões, se estiver fora desse “padrão” será impedido de entrar no salão… Tudo bem, até entendo que a ocasião é muito especial, pra mim é pelo menos, pois meu amorzão estará colando grau e desejo muito dividir esse momento com ela, então, de forma nenhuma iria vestida malfadada ou mulambenta, afinal tenho senso de ridículo…

Mas, o que motivou tamanha exigência no quesito figurino foi o fato de uma das integrantes da comissão de formatura ter ido a um outro evento e presenciar o que ela chamou de “horrível”…

Quando ela começou a falar, eu achei que deveria ser de fato uma trajédia, mas longe disso… Ela disse ter ficado horrorizada por que um pai de uma formanda entrou com a filha na cerimônia de sport chique: Camisa social, uma boa calça jeans e sapatos…

Fiquei imaginando que pra aquela formanda só importava o fato do pai estar ao seu lado dividindo seu melhor momento com ela, mas aos olhos malditos do povo, ele deveria estar expondo a filha ao ridículo…

Poxa, desde quando nos nos tornamos o que vestimos? Tem tanta coisa mais interessante em uma pessoa do que como ela foi vestida em uma festa… Será que ninguem parou pra pensar que aquela roupa fosse o melhor que ele podia arranjar? Que ele se sentia muito bem daquele jeito, especialmente pelo momento da filha?

Julgar alguém pela roupa que usa é no mínimo futil da parte de quem o faz… O ser humano, a essência e tudo que importa não está na roupa, nem no cabelo, nem na cor da pele e nem em nada disso… Está intrinsico na alma, no coração de cada um, essa é a roupa mais linda que todos deveriamos querer exibir por ai, nossa personalidade…

Então, antes de achar alguém ridículo por estar vestido como se sente bem, tente conhecer essa pessoa, sua história, sua personalidade, e se não estiver disposto a tudo isso, simplesmente limite-se a respeitar e não julgue.

Por RebelHeartBR

A vida não tem manual de instruções…

Vá em qualquer livraria que tiver em sua cidade, olhe a seção de livros mais vendidos, e o que você verá? Pelo menos a metade deles é de auto-ajuda, fala sobre como se relacionar com o sexo oposto ou ensina receitas milagrosas e mirabolantes para ter sucesso pessoal e financeiro… Ou seja, manuais de instrução para a vida…

Na boa, parece que sempre, em todo canto, lugar ou esquina tem alguem que pensa saber o que é melhor pra vida de todos… Uma série de instruções e coordenadas de como ser e como agir diante do mundo, das pessoas e da vida e garantem que sabem o que é melhor pra você, pois são experientes e vividos…

Graças a Deus(a) uma grande parte das pessoas consegue viver a própria vida sem ter que ficar se sustentando em cima de ensinamentos de outras, pois conseguiram compreender que a vida como dadíva individual de cada um deve ser vivida de acordo com o que a própria pessoa sente e pensa ser o certo e o melhor pra sí.

Podemos até opinar e aconselhar, mas nunca impor nosso jeito, nossa maneira e nossa verdade pra cima de ninguém, pois cada um é cada um… Até mesmo por que os ditos manuais que encontramos por ai tendem a colocar todas as pessoas num mesmo patamar de atitude e pensamento como se por exemplo todos os homens ou todas as mulheres fossem exatamente iguais em tudo e que conhecendo um se conhece todo o resto, e convenhamos, basta viver um dia ao menos no mundo real pra compreender que não é bem por ai que a banda toca…

Um exemplo prático: Minha querida pegou emprestado de uma amiga dela um livro que chama: “Por que os homens amam as mulheres poderosas”, onde a autora afirma por A+B que TODO homem gosta de ser tratado com indiferença, gostam de mulheres que não ligam, se fazem de difíceis, mas que ao mesmo tempo não sejam tão independentes assim a ponto de fazer com que eles sintam sua masculinidade diminuida…

Nesse livro a autora aborda alguns pontos que ela pesquisou com alguns homens, que declararam suas preferências em relação ao sexo oposto, e conta alguns casos práticos que esses homens contaram… Entre outras coisas ela chega a citar que os homens gostam de acreditar que estão no controle, mesmo quando não estão, e que a mulher deve agir de forma a deixar que ele acredite que tem esse controle…

O tema é abordado de maneira tão confusa, que no mesmo livro onde ela diz que a mulher deve agir pra fazer o homem acreditar que ele manda, ela também diz que as mulheres devem ser elas mesmas… Estranho, pra dizer o mínimo…

Tá, mas voltando a questão: Desde quando uma pesquisa feita com alguns homens de uma mesma região e cultura específica pode traçar o perfil comportamental de uma população inteira? Simples, não pode, pois por mais que as pessoas se pareçam, uma é indefinidamente diferente da outra, mesmo que dividam o mesmo sexo, criação e religião…

Então, por respeito a QUEM você É, e as coisas que VOCÊ acredita, tente encontrar a resposta pras suas dúvidas, a receita da vida perfeita e a realização de seus desejos dentro de você… Ouvir conselhos, pedir opiniões é ótimo, mas nunca permita que alguem dite como você deve viver, ser e se comportar. Não existe uma receita, são simplesmente pontos de vista…

E vale lembrar que a ÚNICA VERDADE ABSOLUTA é aquela em que VOCÊ escolheu ACREDITAR!

Seja único, seja autêntico, seja simplesmente você…

Por RebelHeartBR

Ser Feliz só depende de Você…

26123

É incrível ver como as pessoas ainda não entendem…

Tenho 2 amigas que nesse exato momento estão passando pela mesma situação: Ambas estão apaixonadas por homens distantes delas e que não se sentem da mesma forma…

Até ai, tudo bem, isso acontece todos os dias em todo canto do mundo, ninguem é obrigado a amar o outro, mas no caso delas e no de muita gente, é que elas se tornaram totalmente dependentes desse sentimento, da presença desses homens em suas vidas que acabaram se convencendo de que só ao lado dessas pessoas elas “serão felizes…”.

Gente, por favor, nossa felicidade depende unica e exclusivamente de nós mesmos… Não existe fórmula mágica, receita milagrosa… É tudo questão de amor próprio, respeitar a sí mesma como um ser integral, independente e pleno. Olhar-se no espelho, admirar a criação divina que somos… A gente tem que se bastar queridas…

Não conseguimos e nem nunca conseguiremos controlar os sentimentos de outra pessoa senão o nosso próprio, então como esperar que alguem assuma a responsabilidade por nossa felicidade? Isso é impossível…

Pessoas, amantes, namorados, amigos… Qualquer tipo de relacionamento em nossas vidas tem que ser entre pessoas plenas… Não pode existir uma relação de dependência, isso não é justo… Fomos criados para ser livres, os relacionamentos devem ser da mesma maneira…

Você quer dar amor? Então dê amor, mas não espere nada em troca… Se a pessoa que você ama sentir o mesmo, você receberá esse amor de volta… E é assim… Uma troca, livre de sentimentos e experiências…

Mas o amor próprio tem que ser maior… É preciso que ele prevaleça em sua vida, pois vai te ajudar a fazer sempre as escolhas que lhe farão bem, inclusive saber a hora de se esquecer de uma pessoa que não se importa com a gente…

O amor é um sentimento lindo, mas é assim justamente por ser um sentimento diretamente ligado a liberdade.

Amem-se minhas queridas, não se coloquem no papel de dependência… Sua liberdade, plenitude e independência foram dádivas que você recebeu. Não perca isso por nada e nem por ninguem. Sejam felizes e transmitam essa felicidade aos que lhe cercam. 

Sua vida é seu maior tesouro…

Por RebelHeartBR

Nuvem de tags